Juntos ao serviço dos mais necessitados

CFIC Brasil

Congregação dos Filhos da Imaculada Conceição
85855-190 Foz do Iguaçu - Vila Padre Monti (PR) Brasil

- info@cfic.com.br
- cfic.vocacional@cfic.com.br

Capela Beato Luis Maria Monti

25/04/2015 21:41

 

Cada trabalho a serviço do homem tem a sua origem prima em Deus e na oração do homem para Ele que tuto pode.

A primeira estrutura que apresenta-se ao visitante es a Capela dedicada ao Beato Luigi Maria Monti.

Aqui encontram-se os Filhos da Imaculada Conceição e as Filhas de Maria Consoladora e todo o Povo para dar louvor e honra a Deus e aos seus santos e implorar ajuda e proteção na luta contra todas as expressões do mal.

 

Quem foi o Padre Luigi Monti?

A vida do Padre Luigi Maria Monti, um leigo fundador dos  religiosos da Congregação dos Filhos da Conceição Imaculada é rico em eventos históricos que mostram que o Servo de Deus cumpriu o plano que Deus lhe confiou: dar à Igreja um novo carisma .

Artesão em madeira, em sua juventude, tornou-se "artesão de Deus."  E o artesão "sabe como capturar os detalhes de diferentes estilos e fazer um "únicum".            

Da experiência de animador em juventude no oratório de noite, aberto para colegas artesãos e agricultores, 

da prisão injustamente sofrido, do noviciado longo entre os Filhos de Maria, em Brescia, de muitos papéis em enfermagem do Hospital do Espírito Santo e depois de Hospital Orte, de sua experiência de mais de 20 anos de Pai de todos, levou flores de flor para colocá-los harmoniosamente na sua fundação.

A Igreja tem uma congregação de religiosos leigos e sacerdotes iguais em direitos e deveres, dedicada ao serviço de caridade do doente como uma equipe, em diversas funções de médicos, enfermeiros, capelães ou dedicado aos órfãos da casa em estilopaternal.

Tal era o projeto carismático de P. Monti.Luigi Maria Mont

Ele nasceu em Bovisio, uma pequena aldeia perto de Milão, ao 24 de julho de 1825, de Angelo e Teresa Monti, uma familia dedicada a trabalhar a terra.

Juventude ardente cresceu na fé herdada de seus pais e viveu os valores humanos de austeridade da generosidade da vida, e diligência.

Ele perdeu o pai aos 12 anos, e tornou-se artesão de madeira eo apoio de sua mãe e irmãos mais novos.

Atraídos pelo seu zelo muitos artesãos e agricultores colegas se juntar a ele para formar um oratório de noite. O grupo, chamado pelo povo "Companhia dos Frades" é dedicado à oração, à leitura de livros espirituais, ouvindo as exortações de Monti, líder e guia em música e ação de solidariedade com os pobres e os menos da aldeia- A actividade efectiva do Grupo não é bem visto por alguns homens da Igreja, que não hesitam em usar até mesmo a calúnia.

É preso injustamente por 72 dias com 15 de seus companheiros, que são liberados por falta de crime.

O Monti aos 21 anos consagrou-se para sempre a Deus por votos de  castidade e obediência ao seu diretor espiritual. No entanto, permanece em sua cas

Em 1851 ingressou na Congregação dos Filhos da Imaculada Conceição, em Brescia com Don Luigi Dossi.

Em 1855, durante a epidemia de cólera ele é dedicado ao cuidado dos doentes de cólera.
P. Luigi Dossi dá-lhe um mandato para ir a Roma para dar vida à Congregação dos Filhos da Imaculada Conceição projetado com ele e Pezzini Cipriano, jovem enfermeiro em Cremona.

Chegou em 1858 no hospital de Santo Spirito.e começou a trabalhar nas actividades da Associação dos Terciário Capuchinhos fundada em 1857 pelos capelães do grande hospital romano.

Luigi Monti é parte dele, com a intenção de retornar à instituição para o primeiro projeto.

No Hospital opera como um enfermeiro qualificado e ajuda de farmácia. Como consagrado dá exemplos de verdadeira fortaleza, experimentando frustração e marginalização da Comunidade.

Durante dez anos trabalhou como operador dos muitos papéis hospitalares tambem no hospital em Orte (Viterbo), deixando um exemplo de dedicação e profissionalismo de todas as esferas da da cidade: assistência aos doentes como "pobres de Cristo".

Em 1877, o Papa Pio IX nomeou-o Superior Geral da Congregação, e ele deu-lhe o caráter do original e de seu espírito..

Em 1886, ele abriu a primeira casa de recepção em Saronno, para os órfãos para ser educados como "crianças" e que precisa "manter-me como a pupila dos seus olhos".

Na mesma cidade, promoveu as instituições de saúde.

Aqui, ele morreu em 1 de outubro de 1900, deixando ao povo de Deus testemunho de vida enraizada na fé, coragem incomum, em atenção para o sofrimento do próximo.
Ele foi enterrado na cripta do Instituto em Saronno que leva seu nome e é para muitos fiéis um local de entretenimento e compartilhamento de valores cristãos.

Em todas as comunidades espalhadas pelo mundo é lembrado com alegria seu carisma de caridade que levantou na igreja uma grande "família espiritual".

Na verdade, a Ele inspiram-se os Filhos e Filhas da Imaculada Conceição, os amigos de Luigi Monti, empregados de organizações não-religiosas que trabalham com a saúde e educação

 

 

Capela Beato Luís Maria Monti

Cada trabalho a serviço do homem tem a sua origem prima em Deus e na oração do homem para Ele que tuto pode.

A primeira estrutura que apresenta-se ao visitante es a Capela dedicada ao Beato Luigi Maria Monti.

Aqui encontram-se os Filhos da Imaculada Conceição e as Filhas de Maria Consoladora e todo o Povo para dar louvor e honra a Deus e aos seus santos e implorar ajuda e proteção na luta contra todas as expressões do mal.

 

Quem foi o Padre Luigi Monti?

A vida do Padre Luigi Maria Monti, um leigo fundador dos  religiosos da Congregação dos Filhos da Conceição Imaculada é rico em eventos históricos que mostram que o Servo de Deus cumpriu o plano que Deus lhe confiou: dar à Igreja um novo carisma .

Artesão em madeira, em sua juventude, tornou-se "artesão de Deus."  E o artesão "sabe como capturar os detalhes de diferentes estilos e fazer um "únicum".            

Da experiência de animador em juventude no oratório de noite, aberto para colegas artesãos e agricultores, 

da prisão injustamente sofrido, do noviciado longo entre os Filhos de Maria, em Brescia, de muitos papéis em enfermagem do Hospital do Espírito Santo e depois de Hospital Orte, de sua experiência de mais de 20 anos de Pai de todos, levou flores de flor para colocá-los harmoniosamente na sua fundação.

A Igreja tem uma congregação de religiosos leigos e sacerdotes iguais em direitos e deveres, dedicada ao serviço de caridade do doente como uma equipe, em diversas funções de médicos, enfermeiros, capelães ou dedicado aos órfãos da casa em estilopaternal.

Tal era o projeto carismático de P. Monti.Luigi Maria Mont

Ele nasceu em Bovisio, uma pequena aldeia perto de Milão, ao 24 de julho de 1825, de Angelo e Teresa Monti, uma familia dedicada a trabalhar a terra.

Juventude ardente cresceu na fé herdada de seus pais e viveu os valores humanos de austeridade da generosidade da vida, e diligência.

Ele perdeu o pai aos 12 anos, e tornou-se artesão de madeira eo apoio de sua mãe e irmãos mais novos.

Atraídos pelo seu zelo muitos artesãos e agricultores colegas se juntar a ele para formar um oratório de noite. O grupo, chamado pelo povo "Companhia dos Frades" é dedicado à oração, à leitura de livros espirituais, ouvindo as exortações de Monti, líder e guia em música e ação de solidariedade com os pobres e os menos da aldeia- A actividade efectiva do Grupo não é bem visto por alguns homens da Igreja, que não hesitam em usar até mesmo a calúnia.

É preso injustamente por 72 dias com 15 de seus companheiros, que são liberados por falta de crime.

O Monti aos 21 anos consagrou-se para sempre a Deus por votos de  castidade e obediência ao seu diretor espiritual. No entanto, permanece em sua cas

Em 1851 ingressou na Congregação dos Filhos da Imaculada Conceição, em Brescia com Don Luigi Dossi.

Em 1855, durante a epidemia de cólera ele é dedicado ao cuidado dos doentes de cólera.
P. Luigi Dossi dá-lhe um mandato para ir a Roma para dar vida à Congregação dos Filhos da Imaculada Conceição projetado com ele e Pezzini Cipriano, jovem enfermeiro em Cremona.

Chegou em 1858 no hospital de Santo Spirito.e começou a trabalhar nas actividades da Associação dos Terciário Capuchinhos fundada em 1857 pelos capelães do grande hospital romano.

Luigi Monti é parte dele, com a intenção de retornar à instituição para o primeiro projeto.

No Hospital opera como um enfermeiro qualificado e ajuda de farmácia. Como consagrado dá exemplos de verdadeira fortaleza, experimentando frustração e marginalização da Comunidade.

Durante dez anos trabalhou como operador dos muitos papéis hospitalares tambem no hospital em Orte (Viterbo), deixando um exemplo de dedicação e profissionalismo de todas as esferas da da cidade: assistência aos doentes como "pobres de Cristo".

Em 1877, o Papa Pio IX nomeou-o Superior Geral da Congregação, e ele deu-lhe o caráter do original e de seu espírito..

Em 1886, ele abriu a primeira casa de recepção em Saronno, para os órfãos para ser educados como "crianças" e que precisa "manter-me como a pupila dos seus olhos".

Na mesma cidade, promoveu as instituições de saúde.

Aqui, ele morreu em 1 de outubro de 1900, deixando ao povo de Deus testemunho de vida enraizada na fé, coragem incomum, em atenção para o sofrimento do próximo.
Ele foi enterrado na cripta do Instituto em Saronno que leva seu nome e é para muitos fiéis um local de entretenimento e compartilhamento de valores cristãos.

Em todas as comunidades espalhadas pelo mundo é lembrado com alegria seu carisma de caridade que levantou na igreja uma grande "família espiritual".

Na verdade, a Ele inspiram-se os Filhos e Filhas da Imaculada Conceição, os amigos de Luigi Monti, empregados de organizações não-religiosas que trabalham com a saúde e educação